Nutrição: 10 alimentos para fugir da ressaca

Atualizado em 01 de setembro de 2016
Mais em Nutrição

Saiu para a balada ou para o happy hour e abusou do álcool? Ainda que sejamos ativos, praticantes de esporte e adeptos de uma vida mais saudável, pisar na jaca de vez em quando é perfeitamente normal. Mas mesmo os mais fortes não escapam dos efeitos do abuso do álcool no corpo, e no dia seguinte o mal-estar é inevitável – ainda que acompanhado da eterna promessa de que “nunca mais vou voltar a beber”.

Segundo um estudo da  Universidade da Califórnia (EUA),  além de ser tóxico para o sangue, o consumo de álcool provoca desidratação, causa alterações hormonais e desajusta as citosinas (proteínas responsáveis pela comunicação intercelular). Náuseas, sensibilidade à luz, dor de cabeça, dores musculares, diarreia e diminuição de habilidades de motoras são os sintomas mais comuns causados por essas mudanças na química do corpo provocadas pelo excesso de álcool no organismo. Não há como evitar esse mal-estar – a não ser não bebendo -, mas há determinados alimentos que ajudam a curar a ressaca, reabastecendo o organismo de nutrientes importantes para a recuperação após a bebedeira, como frutose, vitaminas, animoácidos e minerais que contribuem para quebrar as toxinas e diminuir a reação negativa do corpo ao álcool. Confira a seguir os integrantes desse cardápio salvador.

 

 
Água. Não pode faltar. Deve ser a primeira substância a ser ingerida logo quando acordamos. O álcool é um diurético, o que significa que desidrata o corpo, por isso, precisamos repor imediatamente os níveis do líquido no organismo. Se você lembrar (logo que voltar da balada ou do bar), beber um copo de água antes de dormir pode te salvar das fortes dores de cabeça da ressaca.

Bebidas esportivas e água de coco. Os isotônicos industrializados e a água de coco repõem os líquidos e sais minerais necessários para o funcionamento do organismo.

Chá de gengibre ou hortelã. Estudos mostram que o chá de gengibre pode reduzir a náusea e o enjoo. Já o chá de hortelã pode aliviar a dor de estômago e diminuir náusea.

Suco de fruta. Beba um copo de suco de maçã ou cranberry para melhorar o processo de recuperação. A frutose dos sucos de frutas dá ao corpo energia instantânea, e pode até mesmo ajudar a aumentar o metabolismo para se livrar das toxinas do álcool. Suco também contém vitaminas e água em abundância para a reidratação.

Smoothie de bananas, kiwi e espinafre. Alimentos ricos em potássio e vitamina B6, importantes para reabastecer o corpo de eletrólitos que também são perdidos pelo efeito diurético do álcool. Acordou sem apetite? Prepare um smoothie com iogurte e esses ingredientes e combata a ressaca com uma vitamina verde, deliciosa e nutritiva.

Ovos. Os ovos são repletos de aminoácidos, como a cisteína e a taurina. A taurina aumenta a função do fígado e a cisteína ajuda a diminuir os sintomas (enjoo, mal estar e dor de cabeça) causados pela decomposição do etanol que o fígado precisa fazer.

Sopa de missô. A sopa de missô é um ótimo remédio para as manhãs de ressaca, o caldo é rico em sódio e ajuda na reidratação e na digestão também.

Bolachas de água e sal ou torradas com mel. Sim, são industrializadas e cheias de conservantes, mas as bolachas de água e sal e torradas (prefira as integrais) são ricos em carboidratos que ajudam a aumentar os níveis de açúcar no sangue e não prejudicam o estômago. O mel ajuda na reposição de açúcar e a queimar o álcool mais rápido.

Aveia. Um mingau de aveia pode salvar sua manhã de ressaca. Cheia de nutrientes essenciais como vitaminas do complexo B, cálcio, magnésio e ferro, a aveia ajuda a neutralizar os ácidos no organismo e aumentar os níveis de açúcar no sangue.

Tomates. Os tomates contêm licopeno, um antioxidante que reduz a inflamação no corpo. Também têm frutose e vitamina C, que ajudam o fígado a digerir o álcool. Um suco de tomate pode ser a escolha perfeita para melhorar a sensação da ressaca matinal.
(Fontes: Fábio Bicalho (SP), nutricionista, Euclésio Bragança (SP) e Universidade da Califórnia)