Lanchinho saudável para quem corre

Atualizado em 05 de agosto de 2016
Mais em Nutrição

Você sabe como é importante ter uma alimentação saudável para ganhar rendimento na corrida de rua e faz muito esforço para se manter na linha. Mas de vez em quando pinta aquela vontade incontrolável de comer algo doce? Nessas horas, o melhor a fazer é recorrer a lanchinhos saudáveis que vão acabar com o desejo por doces, mas que não farão com que todo o seu esforço vá por água abaixo.

O sequilho crocante com pedaços de soja orgânica, da Vittadely, pode ser uma boa alternativa. Feito com amido de milho, gordura vegetal, açúcar demerara, farinha de soja integral, gema de ovo pasteurizada, leite de coco e soja torrada, o biscoito não contém glúten e ainda traz benefícios para quem corre.

O amido de milho, por exemplo, é um carboidrato de fácil digestão e tem índice glicêmico moderado, o que faz com que a liberação de glicose no organismo aconteça de forma mais gradual.

Já a demerara é um açúcar mascavo que sofre um processo leve de refinamento, sem receber aditivo químico e conservando melhor as vitaminas e os minerais presentes na cana de açúcar, além de manter o seu valor energético. Ele também é um carboidrato de alto índice glicêmico, que pode ser usado, principalmente, em refeições pós-treino para melhorar a síntese de glicogênio muscular. Assim, ao incluir esse nutriente em um lanche, após a corrida, você potencializa sua recuperação e pode treinar melhor no dia seguinte.

leia-mais-cinza
icon texto_menor  FAROFA PROTEICA PARA GANHAR RESISTÊNCIA
icon texto_menor  DELÍCIAS FUNCIONAIS PARA OS TREINOS
icon texto_menor  O QUE A SOJA PODE FAZER POR VOCÊ?
icon texto_menor  CHOCOLATE COM SOJA: COMO USAR A SEU FAVOR?

A farinha de soja, por sua vez, é um alimento que possui vários nutrientes interessantes para a saúde do corredor. Apesar de ser de origem vegetal, ela possui o perfil completo de aminoácidos, o que a torna uma boa opção de proteína, principalmente, para quem não consome proteína animal. A soja é rica em arginina, um aminoácido que aumenta a vasodilatação, melhorando a oxigenação e a nutrição dos músculos e contribuindo para a performance esportiva. Possui, também, ação antioxidante, sequestrando radicais livres gerados durante o exercício e reduzindo os danos que o estresse oxidativo pode causar, como a queda de performance e o cansaço.

Quer mais? Como o sequilho é feito com óleo de coco, você ainda ganha mais energia para os treinos. Cerca de 70% dos ácidos graxos do óleo de coco são rapidamente oxidados e transformados em energia. Assim, você tem mais força de forma rápida.

(Fonte: Liane Schwarz Buchman, nutricionista da clínica BodyHealth, Bodytech Eldorado – São Paulo)