Acompanhados, comemos 30% a mais, diz estudo

Atualizado em 20 de abril de 2016
Mais em Nutrição

Os pesquisadores da Universidade de Cornell, nos Estados Unidos, desenvolveram um estudo que vai tornar as refeições de quem está de dieta mais solitárias. Segundo a instituição de ensino norte-americana, comemos, pelo menos, 30% a mais quando estamos acompanhados. Ou seja, a culpa por aquela escapada do regime na hora do almoço pode ser de quem divide a mesa com você.

De acordo com a pesquisa, o prato fica 47% maior quando estamos com dois amigos na mesa. E o “montinho” pode aumentar, ou até dobrar, caso cheguem mais cinco acompanhantes. E quando o casal sai para comer fora, a chance da dieta, principalmente das mulheres, ir para o espaço aumenta. Segundo o estudo da Universidade de Cornell, elas comem 13% a mais quando estão ao lado de um homem.

E se o seu melhor amigo é gordinho, os pesquisadores norte-americanos têm uma má notícia para você: quando o acompanhante na mesa é mais rechonchudo, as pessoas comem 31,6% mais de massa e 43,5% menos de salada.

Os autores do estudo dizem que não a saída. Para eles, a única forma de manter a dieta é abrir mão do prazer de uma boa conversa na mesa com amigos (principalmente os gordinhos), família, namorada e ir comer sozinho. Ou então, ter consciência da influência que as pessoas exercem sobre seu prato e ter auto-controle para não exagerar.