Como se alimentar para corridas noturnas

Atualizado em 05 de agosto de 2016
Mais em Nutrição

Corridas noturnas estão cada vez mais populares entre os corredores, o que pode ser constatado em provas como a Night Run, que reúne mais participantes a cada edição.

A diferença entre esse tipo de corrida e aquela mais tradicional, logo de manhã cedo, é o horário em que as duas acontecem. No entanto, esse não é o único desafio que você enfrentará. O maior deles, na realidade, envolve a nutrição. Afinal, como você deve se alimentar em corridas noturnas para otimizar o desempenho? Na realidade, para que todas as necessidades nutricionais sejam supridas, é fundamental manter uma alimentação adequada durante todo o dia, comendo a cada três horas e seguindo uma dieta equilibrada.

Nada de sair para correr tendo no estômago, apenas, o que você comeu na hora do almoço. Isso prejudica o seu rendimento e ainda traz malefícios para a saúde. O ideal, nesse caso, é se alimentar cerca de uma hora antes do treino ou da prova, para que haja tempo de ocorrer o esvaziamento gástrico. Além disso, é importante associar algum carboidrato a um alimento rico em proteína magra e gordura saudável nessa refeição antes da corrida. Uma boa sugestão é o pão sem glúten com peito de peru e um pouquinho de azeite.

leia-mais-cinza
icon texto_menor  CORRIDA: CAFEÍNA ALIADA À PERFORMANCE
icon texto_menor  O QUE É MELHOR, ISOTÔNICO OU COCO?
icon texto_menor  APOSTE NUMA DIETA CONTRA LESÕES

E não jante antes do correr. O ideal é fazer apenas um lanche e comer algo mais pesado apenas após o treino, com um intervalo de no máximo uma hora, para aproveitar a “janela de oportunidade”, que é quando ocorre a reposição de glicogênio muscular, que recupera as fibras musculares e causa aumento da massa magra, essencial para que o seu rendimento continue bom.

Durante o dia, preocupe-se, também, com a hidratação. Você deve tomar cerca de dois litros de água durante o tempo que está acordado. Quando faltar cerca de 2 horas para a corrida, tome um pouco mais de água para estar bem hidratado durante as passadas. Mas lembre-se de esvaziar a bexiga antes de começar a correr.

Em corridas mais longas, que passam de 1 hora, você deve, ainda, tomar algum isotônico para continuar com energia suficiente para a corrida.

(Fonte: Alice Amaral, médica especialista em Nutrologia e Medicina do Exercício e Esporte pela Associação Médica Brasileira, Associação Brasileira de Nutrologia e Sociedade Brasileira de Medicina do Esporte)