Como não sentir fome nos treinos novos?

Atualizado em 12 de julho de 2017
Mais em Nutrição

Basta começar um treino novo ou aumentar a frequência ou a intensidade do exercício na corrida de rua, para que aquela fome descontrolada apareça. Você já se viu nessa situação e não soube o que fazer para ficar satisfeito sem ganhar peso? Fique tranquilo, isso é normal.

Como você está queimando mais calorias com o novo treinamento, o seu corpo passa a precisar de mais energia para completar as novas investidas. Mas existem algumas maneiras de driblar a incômoda sensação de fome, sem abusar das calorias. Listamos as três mais importantes para que você tenha sucesso nessa tarefa.

1. Invista nas fibras

Além de saudáveis, os alimentos ricos em fibras exigem mais mastigação, o que ajuda a saciar a fome. Eles são mais volumosos e, por isso, dão a ideia de que o seu estômago está cheio mais rapidamente, o que faz com que você coma menos. Além disso, por terem a digestão mais lenta, o tempo que você leva para sentir o estômago vazio é maior. Os cereais integrais, os legumes e as frutas são excelentes apostas para se manter satisfeito.

Em tempo: antes da prova não aposte nesse tipo de alimento, pois a fibra pode causar desconfortos gástricos, exigindo um pit stop durante a corrida.

 

 

2. Coma de três em três horas

Quando se ingere lanches entre as principais refeições do dia, a digestão é facilitada. Além disso, a quantidade de comida do café da manhã, almoço e jantar será diminuída, já que você estará mais saciado. O estômago se acostuma com um volume menor de comida, fazendo com que menos seja o suficiente.

Mais: comer menos e em intervalos menores de tempo diminui a liberação de insulina (hormônio que passa glicose para as células, favorecendo o ganho de peso). Além disso, quanto mais tempo o organismo passa em jejum, maior será a perda de massa muscular. Portanto, comer de três em três horas pode facilitar o processo de recuperação do desgaste dos treinos, já que a perda de massa magra será reduzida.

Aposte em frutas, iogurtes, castanhas, lanches com pão integral, entre outros alimentos saudáveis para os lanchinhos. Biscoitos e doces devem ser evitados.

3. Coma devagar

O corpo leva cerca de 20 minutos para perceber que já está satisfeito. Se você come muito rápido, acaba consumindo mais calorias do que seu corpo precisa, porque o organismo ainda não terá tempo suficiente para entender que não necessita de mais comida. Mas se você comer devagar, seu cérebro vai começar a enviar sinais para que pare de comer na hora certa.

Esta é outra boa razão para fracionar suas refeições durante o dia. Como não estará morrendo de fome na hora de comer, você vai se alimentar no seu tempo, sem se apressar.

(Fonte: Andre Pellegrini, nutricionista esportivo do Instituto do Atleta (INA) – São Paulo)