Treino de consumo máximo de oxigênio

Atualizado em 20 de abril de 2016
Mais em Treinamento

Se você é um nadador de meio-fundo (200 a 400 metros) e fundo (800 a 1500 metros), que tal apostar no treino de consumo máximo de oxigênio? O método melhora o condicionamento aeróbio de alta intensidade e pode ser feito dentro de seis a 18 meses de treinamento. Dependendo do condicionamento do nadador, ainda é possível aumentar a aptidão aeróbia e a capacidade cardiorrespiratória.

Devido a sua intensidade, este treino é indicado para nadadores de nível intermediário e avançado. Podem ser feitas séries de 50, 100, 200 e 400 metros, com frequência cardíaca entre 170 e 190 bpm. Tudo vai depender do nível do atleta, de sua idade e do condicionamento.

Outros parâmetros que devem ser seguidos pelo nadador são o valor referente ao lactato (de 4 a 8 mmol), zona energética (80% carboidrato/20% gordura), causa da fadiga (depleção do glicogênio) e porcentagem de metragem (de 20 a 30%). O período de recuperação deve ser de 24 a 48 horas.

(Fonte: Felipe Domingues, gerente de natação da academia Cia. Athletica, unidade Kansas – SP)