Prêmio Brasil Olímpico: dobradinha da natação

Atualizado em 20 de setembro de 2016
Mais em Notícias

A nadadora de maratona aquática Ana Marcela Cunha foi eleita Atleta do Ano no Prêmio Brasil Olímpico 2015, realizado pelo  Comitê Olímpico Brasileiro (COB).  Na votação popular, Thiago Pereira levou o título de Atleta da Torcida. A premiação, que elege os melhores do ano no esporte, aconteceu na noite de terça-feira (15 de dezembro), no Rio de Janeiro.

Aos 24 anos, Ana Marcela fecha a temporada 2015 com o ouro nos 25 km, prata no revezamento 10 km e bronze nos 10 km individual no Mundial de Kazan (Rússia), além de ter a vaga assegurada para Rio 2016. A baiana venceu a disputa pelo Prêmio Brasil Olímpico contra a pentatleta Yane Marques e a dupla Aghata e Barbara, do vôlei de praia. Na categoria masculina, o atleta do ano foi o canoísta Isaquias Queiroz.

A maratonista aquática comemorou muito o fato de fechar a temporada em alta, o que aumentam suas expectativas e responsabilidades para o ano olímpico. “Nem nos meus melhores sonhos, poderia imaginar que agora estaria aqui recebendo este prêmio de melhor atleta do ano. Conto muito com esta torcida e força para ir em busca de uma medalha olímpica no Rio 2016”.

Thiago Pereira é eleito atleta da torcida

A natação brasileira faturou também o título de atleta da torcida em 2015, no Prêmio Brasil Olímpico. O nadador mineiro Thiago Pereira foi o escolhido do público, com 24% dos votos. Thiago, que inicia hoje a seletiva olímpica em Palhoça (SC) (lincar nota) não pode ir ao Rio de Janeiro receber o prêmio, e agradeceu a escolha dos internautas por meio de um vídeo. “’Gostaria de agradecer a todos que votaram em mim, antes de mais nada. Foi mais um título importante na minha carreira e tenho certeza de que o ano de 2016 começa com o pé direito. Desejo boa sorte e boa preparação para todos os atletas do país. Será uma Olimpíada maravilhosa e vamos mostrar do que o Brasil é capaz”.

Além de Thiago Pereira, concorreram ao prêmio a dupla Alison e Bruno Schmitt (vôlei de praia), Marcelo Melo (tênis), Isaquias Queiroz (canoagem), Ana Marcela Cunha (maratona aquática), Fabiana Murer (salto com vara), Yane Marques (pentatlo moderno) e Érika Miranda (judô).