Pinheiros é o campeão do Torneio Open de Natação

Atualizado em 29 de julho de 2016
Mais em Notícias

O Esporte Clube Pinheiros conquistou o título do 6º Torneio Open de Natação, disputado em Guaratinguetá/SP. As cinco edições anteriores da competição também foram vencidas pelo Pinheiros. Este ano, o clube paulista, também primeiro colocado no ranking nacional de clubes de natação em 2010, totalizou 633 pontos no Open. Em segundo lugar ficou o Minas Tênis, com 316. O terceiro colocado foi o Flamengo, com 140,5. Unisanta e Corinthians/São Bernardo vieram a seguir com 136 e 111 pontos, respectivamente.

Os melhores índices técnicos do Torneio Open 2010 foram Tatiana Lemos Barbosa e André Schultz, ambos do Pinheiros. Tati pelos 100m livre (53s46) e Schultz pelos 200m medley (1m55s65). André Schultz também foi o nadador mais eficiente (aqueles que mais pontuaram para seus clubes em provas individuais), com 87 pontos. Sua companheira de Pinheiros, Tatiane Sakemi, foi a mais eficiente entre as mulheres, com 67 pontos.

Nos 400m livre só deu Minas Tênis. Manuella Lyrio ganhou a primeira prova do dia com 4m14s58. Poliana Okimoto desistiu no dia e Ana Marcela Cunha chegou em segundo, 4m14s85. No masculino, Lucas Kanieski foi o melhor com 3m46s69, em dobradinha com o colega de clube, Leonardo Fim, 3m47s54.

Fabíola Molina, da Esportiva São José, continua dominando o costas. Com 59s26 ela venceu os 100m do estilo. No masculino, uma disputa entre colegas do Pinheiros. Gabriel Mangabeira superou o recordista sul-americano Guilherme Guido em 12 centésimos: 50s88 a 51s00. Na véspera, Manga também vencera no Troféu Daltely Guimarães/Brasileiro Senior, com 52s65.

Os 200m borboleta feminino, Julia Gerotto, do Paineiras, venceu nos últimos 25 metros, após Larissa Cieslak, do Minas Tênis e vencedora na véspera pelo Brasileiro Senior, ter dominado a prova. Gerotto marcou 2m12s90 e Larissa, 2m13s03. Ambas fizeram tempo melhor do que o da vitória de Larissa no sábado: 2m13s99. Nos 200m borboleta masculino, Lucas Salatta, pelo Minas Tênis, venceu em 1m55s24. Leonardo de Deus, do Minas, foi o segundo, 1m56s13.

Cesar Cielo venceu todas – O campeão olímpico e mundial Cesar Cielo venceu suas seis provas individuais no Brasileiro Sênior e no Open. Neste sábado (4/12), Cesar levou sua sexta medalha de ouro, desta vez nos 50 m borboleta, pelo Open, com 23s06. Nicholas dos Santos ficou com a prata (23s11) e Gabriel Mangabeira com o bronze (23s25). Com essa medalha, Cielo somou seis ouros para seu clube, o Flamengo, nos torneios – dois em cada uma de suas provas, os 50 m livre, os 100 m livre e os 50 m borboleta. E ainda ajudou o clube com duas medalhas de prata nos revezamentos 4×100 m livre e 4×50 m livre (1min26s71).

Para Cesar Cielo, as competições foram o último teste antes do Mundial de Dubai em piscina curta (25 m), de 15 a 19. Cielo viaja para o Kwait, para um período curto de aclimatação, na quarta-feira juntamente com a seleção brasileira, que de lá segue para os Emirados Árabes no dia 13.

No Mundial, ele nada suas provas, os 50 m livre e os 100 m livre. Além dos dois 50 m, ele ganhou os 100 m livre no Sênior, com 47s83, e no Open, com 46s87. Seus parâmetros de tempo para as duas distâncias em piscina curta (25 m) são as marcas que fez, recordes pessoais, no Troféu José Finkel, em setembro: 20s80, nos 50 m livre, o melhor tempo do mundo este ano pelo ranking da Fina, e 45s87, recorde sul-americano, para os 100 m livre.