16 anos depois: novo recorde nos 200 m livre

Atualizado em 20 de abril de 2016
Mais em Notícias

Depois de quase 16 anos, o melhor tempo nos 200 m livre do Troféu José Finkel foi quebrado. O último recorde foi conquistado em 1998, pelo medalhista olímpico Gustavo Borges, com o tempo de 1min44s40. Mas o jovem nadador João de Lucca, de 24 anos, bateu o tempo em pouco mais de 1 segundo, fazendo os 200 m em 1min43s19, no primeiro dia de eliminatórias da edição de 2014.

“Esse era o último recorde que eu tinha. Mas fico muito feliz que tenha sido quebrado por um nadador com tanto potencial como o João de Lucca. Mostra também evolução da natação brasileira”, afirmou Gustavo. “Não achava que seria um recorde que duraria tanto. São quase 16 anos dessa marca, o que é muito tempo. A natação brasileira hoje está em um nível mais alto do que na década de 90 e os nadadores passaram a priorizar as competições nas piscinas de 50m, o que acabou interferindo nos resultados feitos nas de 25m”, analisou.

Com o novo recorde, João de Lucca supera o índice (1min44seg84) para o Mundial de Piscina Curta de Doha, que será de 3 a 7 de dezembro, no Catar. O nadador havia sido bronze no Campeonato Pan-Pacífico no revezamento 4 x 100 m livre.

A competição Troféu José Finkel vai até o dia 6 de setembro, em Guaratinguetá (SP).