Lipoaspiração: os cuidados pós-operatórios para as corredoras

Atualizado em 29 de junho de 2017
Mais em Mulher

A lipoaspiração é um procedimento cada vez mais comum entre as mulheres. Elas procuram o procedimento cirúrgico para se livrar das gordurinha acumulada e ficar com o corpo mais bonito. Corredoras também recorrem a esse processo e precisam de alguns cuidados antes de voltar à ativa nos treinamentos.

Tempo afastada do esporte

O período sem corridas – e qualquer outra atividade física –, geralmente, é de três meses. A avaliação é individual, portanto, é fundamental o retorno com o médico que realizou a lipo. Por volta de um mês depois da cirurgia, o especialista poderá liberar para caminhadas. O aumento do esforço precisa ser gradual.

Cuidados da paciente

De 30 a 60 dias, a pessoa precisa utilizar uma malha elástica. Enquanto tiver equimoses (hematomas roxos na pele), não é permitido que a paciente tome sol.

Que exercícios fazer de acordo com o tempo?

Até 30 dias: nenhuma atividade física
De 30 a 60 dias: caminhadas (aumento gradativo do esforço)
A partir de 60 dias: corrida, musculação, aulas na academia, yoga, pilates, entre outros.

Essas recomendações podem variar de acordo com a recuperação da paciente. As consultas com o médico são fundamentais para que a pessoa volte aos treinos na hora certa, sem riscos.

Quem é candidata à cirurgia?

A lipoaspiração não é indicada para quem quer emagrecer, mas sim para as pessoas que estão dentro do peso ideal – de acordo com o índice de massa corporal (IMC) – e que querem modelar o contorno corporal. O procedimento retira a gordura localizada do paciente.

Fonte: Dr. Victor Hugo Lara Cardoso de Sá, cirurgião plástico especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP)