A corrida deixa os seios flácidos?

Atualizado em 29 de junho de 2017
Mais em Mulher

Basta uma mulher começar a investir na corrida de rua para que uma dúvida apareça: “será que os meus seios ficarão flácidos?”. A resposta é: sim, quando você faz um grande volume de corridas. No entanto, isso só acontece se a corredora não tomar alguns cuidados básicos.

Apesar de o impacto das passadas causar o balanço recorrente das mamas, durante os treinos e as provas, o que pode provocar a flacidez, usar roupas adequadas para esse tipo de atividade faz com que o problema seja minimizado. Existem tops próprios para corrida que têm maior sustentação e que dão a devida segurança, para que os seios não balancem demais, além de trazer maior conforto na hora da corrida.

O problema só surge quando o volume da corrida é grande, como nos treinos para meia-maratona e maratona. Se você corre três vezes por semana e faz treinos de cerca de 40 minutos, não precisa se preocupar tanto com a flacidez. O risco de ocorrer algo com os seus seios é bem menor devido ao volume de treinos feitos durante a semana.

Quanto maior é a mama, maior deve ser o seu cuidado na escolha da roupa certa para correr, já que são elas as que têm maior possibilidade de sofrer com a flacidez. Além de tops bem justos, você pode optar pelos duplos ou, até mesmo, por correr com dois tops para dar maior sustentação às mamas. Mais: como a mama é composta por gordura (além dos músculos mamários) e a corrida causa a perda de gordura, também é comum ocorrer a diminuição dos seios nas corredoras, o que previne a tal flacidez.

(Fonte: Adriana Genioli, diretora-técnica da Agassi Assessoria Esportiva – Fortaleza)