Para balançar o esqueleto e perder calorias

Atualizado em 20 de abril de 2016
Mais em Treinamento

Muito procuradas nas academias brasileiras, modalidades como Zumba Fitness, Sh’Bam, Body Attack, Body Combat, Body Jam e Step têm como referência a música. Conforme a batida, estilo ou ritmo, os movimentos são combinados e promovem um treino cardiovascular eficiente e divertido. Por meio dos socos do boxe, ou chutes de Muay Thay, ou combinações em uma plataforma, essas modalidades prometem perda de 500 a 1000 calorias em uma aula de 60 minutos.

Outro exemplo de treino que balança o esqueleto e promete alta perda calórica nasceu há pouco tempo atrás em Paris, na França. A Gym Suedoise (ginástica sueca em francês) virou febre na Cidade Luz e reúne mais de 50 pessoas em ginásios e 300 pessoas em parques em suas 4 mil aulas semanais. Com exercícios simples, ritmados, em ambiente lúdico, é possível queimar entre 400 e 600 calorias por hora.

Nessas aulas, que podem durar 30, 45 ou 60 minutos, geralmente, são feitos exercícios de agachamentos, deslocamentos, flexões de braços, socos, chutes, saltos, saltitos e corridas. O músculo cardíaco, dos membros inferiores (glúteos e pernas) e superiores (tronco e região abdominal) são os mais trabalhados. Como se tratam de atividades cardiorrespiratórias, na qual se obtém resultados por realizá-las com certa regularidade, o ideal é treinar de duas a três vezes por semana.

(Fonte: Camila Belluomine, professora de ginástica da Bio Ritmo Academia – São Paulo)