Calor em SP: dá para se exercitar à noite

Atualizado em 20 de abril de 2016
Mais em Notícias

A Selva de Pedra, no verão, vira um deserto. Não porque o pessoal está em férias, mas por conta das altas temperaturas em Sampa. E, não tem para onde correr.  A não ser para os parques, geralmente mais frescos. Como os termômetros continuam lá encima noite adentro, parques de todas as regiões da capital recebem visitantes até fecharem seus portões.

O Ibirapuera, na zona sul, abre às 5h da manhã. E, quando o termômetro marca cerca de 23°C, à noite, recebe as pessoas até à meia-noite, quando fecha. O mesmo ocorre com os parques da Aclimação, na região central, do Povo, na zona oeste, do Carmo, na zona leste, e o parque da Juventude, na zona norte.

leia-mais-cinza
ícone-texto PARQUES DE SÃO PAULO TERÃO ASSESSORIAS ESPORTIVAS GRATUITAS
ícone-texto CIRCUITO EM “ACADEMIA” AO AR LIVRE
ícone-texto SÃO PAULO RECEBE PRÊMIO POR PLANO DE CICLOVIAS

Os locais abrigam esportistas de todo tipo, desde o skatista até o corredor, passando por ciclistas, praticantes de Yoga e de Tai Chi Chuan, que optam pela noite para se refrescar e fazer exercícios. Em ambientes frescos e mais úmidos, o corpo não sofre tanto  e a atividade física rende mais, além do fato de que à noite o ar é menos poluído e agressivo para o corpo.

É bom lembrar também que, além dos parques, o paulistano gosta de ir até o Minhocão para andar de bicicleta, skate ou correr. O espaço é fechado para os carros diariamente das 21h às 6h. Mas abre domingos e feriados o dia inteiro. Aliás, o viaduto já é um ponto de encontro para os esportistas que moram na região central.

Lugar para aproveitar a vida noturna saudável por aqui e o que não falta, mas é preciso tomar alguns cuidados antes de sair depois do sol se pôr. O maior problema de se exercitar à noite é o risco de prejudicar o sono. Quanto mais próximo da hora de dormir o corpo liberar endorfina, mais difícil será para relaxar. O ideal é preferir o início da noite e tentar treinar sempre no mesmo horário. Assim que o relógio biológico se acostumar, o rendimento será melhor, também seu sono e sua saúde.

Principais parques (além do Minhocão) das regiões da capital e horários de funcionamento:

Zona sul

Parque do Ibirapuera
Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº (Portão 10) – Vila Mariana
Área: 1.584.000 m²
Funcionamento: diariamente das 5h às 0h – Fone: (11) 5574-5045
Infraestrutura:
Pista de cooper, parque infantil, lanchonetes, ciclofaixa, bicicletário com aluguel de bicicleta, quadras poliesportivas, campos de futebol e aparelhos de ginástica. Funcionam também na área do parque: Escola de Jardinagem, Divisão Fauna, Viveiro Manequinho Lopes, Planetário e Escola Municipal de Astrofísica, Herbário, Museu Afro-Brasil, Pavilhão das Culturas Brasileiras, OCA e Bosque da Leitura, Fundação Bienal, Auditório Ibirapuera, MAC, MAM e Pavilhão Japonês.

Zona norte

Parque da Juventude
Av. Zachi Narchi, 1309 – Santana
Área: 240 mil m²
Funcionamento: diariamente das 6h às 18h (as quadras funcionam de segunda a sábado, das 6h à 0h. Domingos, das 6h às 22h) – Fone: (11) 6223-0019
Infraestrutura:
Quadras (oito poliesportivas e duas de tênis), pistas de skate e patins e pista de cooper, áreas de descanso e vestiários, empréstimo de materiais esportivos e aulas gratuitas de diversos esportes, entre eles, tênis e taekwondo. Abriga ainda o prédio da Escola Técnica Estadual (ETEC), um posto do Acessa SP, onde o púbico pode, gratuitamente, acessar a internet em mais de cem computadores e assistir a cursos e oficinas e a Biblioteca de São Paulo, com mais de 30 mil livros.

Zona leste

Parque do Carmo
Av. Afonso de Sampaio e Souza, 951 – Itaquera
Área: 1.500.000 m²
Funcionamento: diariamente das 5h30h às 20h – Fones: (11) 2748-0010 / (11) 2746-5001
Infraestrutura:
Museu do Meio Ambiente, monjolo, lagos, estacionamento, anfiteatro natural, aparelhos de ginástica, campos de futebol, ciclovia, pista de Cooper, playgrounds, quiosques, churrasqueiras, gramado para piquenique, sanitários, redários. Ainda abriga o Bosque das cerejeiras e monumentos à imigração japonesa. Funcionam também o Viveiro Arthur Etzel, Planetário e Bosque da Leitura.

Zona oeste

Parque do Povo
Av. Henrique Chamma, 420 – Pinheiros
Área: 133.547m²
Funcionamento: diariamente das 6h às 22h – Fone: (11) 3073-1217
Infraestrutura:
Complexo esportivo, quadras poliesportivas com marcação especial para esportes paraolímpicos, campo de futebol gramado, aparelhos de ginástica de baixo impacto, ciclovia, sanitários, pista de caminhada e roteiros botânicos.

Região central

Parque da Aclimação
Rua Muniz de Souza, 1.119 – Aclimação
Área: 112.000 m²
Funcionamento: diariamente das 6h às 22h  – Fone/fax: (11) 3208-4042
Infraestrutura:
Lago, concha acústica, jardim japonês com espelho d’água, aparelhos de ginástica (barras), pista de Cooper e caminhada, playgrounds infantis com espaço para piquenique, estares, paraciclo, campo de futebol e sanitários. Conta ainda com a Biblioteca Temática de Meio Ambiente – Raull Bopp.

Minhocão
Rua Amaral Gurgel, S/N – Vila Buarque
Segunda a sábado, das 21h30 às 6h30, e domingos e feriados abre o dia inteiro.
Infraestrutura:
O Elevado Costa e Silva tem 3,4km de extensão e, quando fechado, vira uma extensa área de lazer, recebendo pessoas que gostam de usar a área para correr e andar de bicicleta. Aos finais de semana, sempre ocorrem eventos no viaduto, como projeções, feiras gastronômicas e festas que vão até de manhã.

(Fonte: Prefeitura de São Paulo)