Brasil no topo do mundo da malhação

Atualizado em 20 de abril de 2016
Mais em Notícias

O Brasil não é mais só a terra do futebol. Enquanto dentro das quatro linhas o país vai mal das pernas, no cenário fitness mundial se torna uma potência, somando número e conquistas expressivas. No fim de outubro, nos Estados Unidos, o brasileiro Cristiano Parente ganhou o título de melhor personal trainer do mundo. Após ter sua experiência profissional, formação acadêmica, e técnicas no desenvolvimento do trabalho avaliados, Parente superou mais de 1.700 treinadores, de 43 países.

Além da conquista do personal trainer brasileiro, outro indicador de que somos o “país da malhação” foi o crescimento no número de academias. Segundo a Associação Brasileira de Academias (ACAD), o país é o segundo no mundo, com 30.767 mil estabelecimentos, atrás apenas dos Estados Unidos, que tem 32.150 mil.

A quantidade de clientes também é crescente. Com 7,6 milhões de frequentadores, estamos em quarto no ranking mundial, perdendo somente para Estados Unidos, Alemanha e Reino Unido, e com um número cada vez maior de adeptos da musculação.

De acordo com pesquisa divulgada recentemente pelo Ministério da Saúde, o percentual de praticantes da musculação saltou de 13,43%, em 2006, para 18,46%, em 2013, entre os homens. Já entre as mulheres, no mesmo período, o salto foi de 11,88% para 19,56%.