Paddle Surf: Pegue essa onda!

Atualizado em 12 de janeiro de 2015
Mais em Experts

Por Anna Paula Lima

Gente, vou estrear o blog com um gostinho de férias e de verão. Se você ainda não subiu numa pranchinha dessas, essa é a hora! Na praia ou na academia.

Enjoy!

Subir na prancha, se equilibrar e colocar os remos em ação. Parece fácil. Mas quem já tentou curtir as ondas do mar com o Stand Up Paddle, febre nos últimos verões, sabe que não é bem assim. Na academia, a modalidade ganhou uma adaptação: um treino funcional, o Bio Paddle Surf. O.K. Tudo começa igual: subir na prancha, se equilibrar e colocar os remos em ação…

Como a minha praia é a redação, convoquei a Anne Prochaska (campeã brasileira de wakesurf), já acostumada a “tirar ondas” de letra, a fazer a aula de 45 minutos. Além da habilidade com pranchas, Anne é habituê dos treinos funcionais e tem pernas e fôlego digno de uma bem treinada garota de 16 anos.

3, 2, 1… Valendo! Som na caixa!

Sobre a prancha, começa o aquecimento (e o teste de equilíbrio). Os bozus embaixo da prancha causam o desequilíbrio. O must no mar e nessa aula! Devagar surgem os primeiros agachamentos incrementados por remadas. Pegar no remo para executar os movimentos é a tarefa mais complicada: o bichinho pesa! Tem 2,3 kg. Se ajudam a queimar mais calorias? Dizem que, sim. Com certeza, dificultam os movimentos e deixam aquela dorzinha salutar dos músculos trabalhados. Anne também sentiu isso: “Estou mais acostumada a trabalhar as pernas… Foi difícil acompanhar os exercícios de braço.”, tira onda a bem-humorada surfista.

Pausa rápida pra beber água. O treino é dividido em dois momentos. Agora, deitada sobre a prancha, corpo estendido e braços em V para sustentar o paddle e inúmeras repetições. Depois, de lado, pranchas laterais com braços esticados. De pé, novamente, saltos sobre a prancha, simulam polichinelos. Movimentos alternados de braços… Ufa! O suor escorria mais do que sob o sol.

O final tem um desafio de um minuto. Alerta [de spoiler]: se você ainda não fez uma aula, recomendo que pare aqui.  Eu parei por limitações físicas (não aguentava mais mesmo). Agacha, estica, pula. Tudo rapidinho. A Anne fez. Você também pode fazer. A aula é indicada para iniciantes. Sem dúvida entrega o que promete: trabalhar pernas, glúteos, braços, costas e abdômen. Senti, especialmente, os posteriores e anteriores das coxas. A Anne? Pegou a onda e quer mais.

Minuto Fitness – Veja o be-a-bá para praticar você também

icone-video

icone-foto

[nggallery id=121]