E aí, quanto você gasta com CrossFit?

Atualizado em 24 de agosto de 2018
Mais em Cross Training

Não adianta a gente se enganar: box, equipamentos, roupas, suplementos. Crossfit é um esporte carinho e é preciso gostar muito para investir, certo? Você já colocou no papel quanto gasta com o crossfit hoje?

Faz uma conta rápida aqui comigo: Box, equipamentos, acessórios (como tênis com pegada pra climbing), roupas de treino, alimentação, suplementos, transportes, competições… Ufa, será que enumerei tudo? Esses são os gastos básicos para quem vive o Crossfit, especialmente quem compete e faz dele um estilo de vida.

Dá pra gente dividir entre gastos básicos ou essenciais, como o box pra treino, equipamentos, acessórios e roupa de treino que mesmo quem faz só por prazer já tem que ter, transporte e alimentação fora de casa, por exemplo.

Depois, têm os gastos de alta performance: quem vive para o esporte tem toda uma lista com a qual precisa, ou quer, arcar. Um investimento mensal que não é baixo, mas que garante saúde, crescimento físico e mental nos treinos, acompanhamento, melhora física para competir, entre outros.

 

 

O trabalho de coach, de gestão de marca para alguns esportistas, e cursos que aprimoram não apenas a performance no box e nas competições, mas que ajudam a gerenciar a carreira, por exemplo, são onerosos, mas muitas vezes necessários.

As competições também não são baratas, geralmente acontecem em outros estados ou até países, e quem compete de verdade tem que ter um caixa para esse tipo de investimento, o que muitas vezes vem de patrocínio, mas que, especialmente no começo, pode também sair do próprio bolso. E vamos colocar aí, também, a alimentação especial que todo atleta tem que ter e a suplementação, que, cá entre nós, também leva uma boa parte das economias.

Outra coisa importante é que crossfit, além de esporte, é um estilo de vida. Para fazer parte do grupo, existe uma vontade grande se caracterizar, usar marcas específicas, roupas específicas, o shorts, a blusa, o tênis, tudo faz com que você se sinta mais parte do grupo. E tudo bem, é assim mesmo que a gente age, somos seres sociais e precisamos dessa identificação. Só tem que tomar cuidado com a conta no fim do mês, né?

Me diz aí: quanto você gasta, em média, hoje, para sua performance e pro seu bem-estar? É do tipo que investe no essencial ou já está dentro do grupo de uma forma irremediável?

Você se preocupa ou, no mínimo, se ocupa com a questão financeira? Tem um coach, um consultor ou uma empresa pra te ajudar? Até onde devem e podem ir os gastos com crossfit?