Bravus Race: invista nos treinamentos corretos

Atualizado em 19 de janeiro de 2018
Mais em Treinamento

O ano já começou e você colocou entre as suas metas participar (e conseguir concluir) da Bravus Race, mas não sabe nem por onde começar a treinar? Fique tranquilo, pois separamos alguns exercícios que vão te ajudar nos obstáculos mais difíceis da prova. Aproveite, clique aqui e veja o calendário da Bravus Race deste ano!

 

 

Obstáculos:
Barricadas, Muro das Lamentações, Muro Invertido e Muralha da China
O que você vai utilizar?
Bíceps e tríceps
Exercícios que vão ajudar:
Rosca direta com a barra ou halteres, paralelas ou banquinho e exercícios de saltos nas verticais pliométricos – que exigem mais da potencia muscular, facilitando na hora da impulsão para atravessar os muros.

Obstáculo:
Monte Bravus
O que você vai utilizar?
Bíceps e tríceps
Exercícios que vão ajudar:
Apesar do obstáculo exigir muito dos braços, o Muro também exige muita explosão dos membros inferiores, só que totalmente ligado para a velocidade. Para vencê-lo, é indicado que utilize o tiro de velocidade com elástico de tração, que também pode ser feito com um trabalho de pliometria.

Obstáculos:
Alcatraz, Meia Tonelada e O Resgate
O que você vai utilizar?
Membros inferiores, bíceps e tríceps
Exercícios que vão ajudar:
Para fortalecer o braço, é indicado que faça rosca direta com isometria e muitas repetições para aperfeiçoar a resistência muscular. Já para os membros inferiores, o agachamento simples e com passadas – ambos com cargas medianas – vão ajudar.

Obstáculo:
Treinamento Ninja
O que você vai utilizar?
Bíceps, tríceps e antebraço
Exercícios que vão ajudar:
Rosca concentrada, rosca carretel e extensão dos cotovelos, com um volume um pouco maior de repetições. O obstáculo exige muita técnica e muita força nos braços.

Obstáculo:
King Kong
O que você vai utilizar?
Todos os superiores
Exercícios que vão ajudar:
Barra fixa com repetições concentradas, rosca direta com mais carga do que as anteriores e poucas repetições.

Obstáculo:
Hércules
O que você vai utilizar?
Bíceps, tríceps, antebraço e abdômen
Exercícios que vão ajudar:
Remada com corda naval – se não tiver a corda, o exercício pode ser feito nos cross over. Rosca direta, rosca carretel, flexão, extensão dos punhos e dos cotovelos com carga alta. Para fortalecer o abdômen, é indicado que faça a prancha isométrica em decúbito ventral, fazendo séries de 30 a 60 segundos.

Lembrando que todos esses exercícios podem ser executados em ambientes fechados (academia) e também em espaços abertos, desde que tenham o material necessário e a ajuda de um profissional da área de Educação Física. Boa Bravus Race!

(Fonte: professor Thiago Araújo Adorno da Academia Gaviões, formado em Educação Física e especializado em treinamento funcional para atletas de alto rendimento, gestantes e cadeirantes).