Dica do especialista: pausa de fim de ano

Atualizado em 19 de outubro de 2018
Mais em Treinamento

O fim do ano está chegando e muitos corredores não sabem o que fazer com os treinos. Os mais fominhas não se importam com as festividades e correm no Natal e, se possível, até na virada do ano. Outros, mais contidos, tiram um recesso dos treinamentos para descansar com a família, sem se preocupar com nada. O diretor técnico da Upfit, Sidney Togumi, indica o meio termo para os seus assessorados.

“Sugerimos que curtam suas férias, aproveitem para relaxar dos treinos para que possam descansar, não só o físico, mas também a mente”, explica o treinador. “Apesar disso, aconselhamos que se mantenham fisicamente ativos, com atividades diferentes da corrida.”

Para os que não conseguem ficar sem correr, há uma opção. “Eles podem fazer dois treinos leves, não muito longos, intercalando com outros esportes ou musculação, treino funcional, Crossfit.”

Outro problema é o banquete servido nessas datas. “Nessa época do ano é muito complicado se punir ou se disciplinar em demasia para não comer guloseimas ou sair um pouco da rotina alimentar.” Para Togumi, “é menos estressante para a cabeça se permitir comer, beber e se divertir um pouco mais livremente, visto que durante o ano, abdicou de muitos prazeres relacionados à alimentação.”

Seguindo a sugestão de se manter ativo durante o período – mesmo que sem a corrida – o início de ano será muito mais alegre. “Principalmente atletas que vem de um ano de muitas provas e treinos fortes, tirar uns 15, 20 dias fará bem para o corpo.”

De acordo com o treinador, “a falta de treinos não acarretará em lesões, desde que o corredor reinicie as atividades de forma gradual.” O organismo precisa se readaptar aos treinos, segundo Togumi.