Como beber água sem tomar um banho

Atualizado em 26 de abril de 2016
Mais em Papo de Corrida

Quem nunca se viu diante da seguinte situação: você está no meio de uma prova de corrida, fazendo o seu melhor, e lá pelos tantos quilômetros passa por um ponto de hidratação, pega um copinho de água (ou de isotônico), e quando vai beber… derrama mais da metade da água e você não consegue se hidratar direito. Ou então, diante de toda aquela dinâmica da corrida, ao apanhar um copinho de isotônico e tentar beber, acaba virando tudo no rosto e nos olhos, menos na boca.

Isso é comum entre os corredores. Mas existem táticas simples que você pode usar a seu favor para que a hidratação seja feita da forma correta. As dicas abaixo, mesmo que simples e elementares, devem ser testadas e treinadas no dia a dia, para que no dia da prova isso se torne o mais simples e mecânico possível.

leia-mais-cinza
icon texto_menor  QUANDO A CORRIDA FICA EMBARAÇOSA
icon texto_menor  6 MODOS DE SE HIDRATAR (MELHOR)
icon texto_menor  MELHORE SUA CORRIDA COM A AJUDA DE APLICATIVOS

1. Aperte e dobre
Durante a prova, se você for beber em copinhos de plástico ou papelão, aperte e dobre a boca do copo bem no meio, pois assim você diminui a abertura e fica mais fácil de levar à boca, sem desperdiçar água ou isotônico.

2. Copos lacrados
Quando for beber nos copos de água com tampa de alumínio (aqueles que vêm lacrados), faça um pequeno furo na tampa com o dedo indicador para facilitar a hidratação e não desperdiçar água.

3. Beba após expirar
Muitas vezes, ao beber enquanto correm, as pessoas se engasgam por estar afoitas ou pela quantidade de líquido que sai em um único gole. Para evitar esse contratempo, dê um gole pequeno depois de soltar o ar. Nunca inspire e beba logo em seguida. Treine bastante essa técnica antes da prova.

4. Diminua o ritmo
Dependendo da prova, principalmente nas mais longas onde o ritmo é mais lento e a hidratação imprescindível, vale diminuir um pouco o ritmo ou trotar por alguns segundos na hora de se hidratar (seguindo as dicas acima, para que você consiga beber sem se complicar, é claro).

(Fonte: Rogério Carvalho, treinador e preparador físico de corredores e triatletas – São Paulo)