Bê-á-bá do uso do pau de selfie na corrida

Atualizado em 26 de abril de 2016
Mais em Papo de Corrida

Para onde você olha, hoje em dia, lá está o pau de selfie reinando nas fotos. E na corrida não é diferente. Nas redes sociais pipocam imagens de corredores querendo mostrar aos amigos que conseguiram correr aqueles 5 km prometidos ou que completaram outra distância que tinham como alvo. Quem não gosta de um registro uma corrida bacana ou daquela paisagem linda do caminho? E, claro: o importante é sair bem na foto. Mas como conseguir capturar uma bela imagem no meio daquelas 5 mil pessoas de uma prova e que ainda reúna toda a galera que resolveu correr junta?

Numa prova mais curta, como a de 5 km ou de 10 km, é perfeitamente possível carregar seu pau de selfie e não perder uma oportunidade sequer. Mas isso, apenas, se o seu objetivo for simplesmente chegar ao fim, sem preocupação com o resultado (de tempo) e sem se incomodar com o peso extra.

O mais indicado, aqui, é que você corra com um cinto ou uma pequena mochila que sirva para guardar o acessório enquanto ele não estiver sendo usado. Mas lembre-se que ao carregar o pau de selfie à tira colo você deve ter como foco a diversão. Aliás, se divertir correndo, com certeza, é uma forma de se fidelizar como um corredor em busca de resultados.

leiamais-cinza-novo
icon texto_menor  SELFIE: RETRATOS DE UMA CORRIDA
icon texto_menor  AS 18 PIORES PERGUNTAS FEITAS PARA QUEM CORRE
icon texto_menor  VOCÊ SABE QUE É UM CORREDOR QUANDO…

Vale ter um cuidado com quem vem atrás de você e de seus amigos, pois parar na frente de um corredor que está tentando bater suas metas apenas para fazer uma foto em grupo pode causar irritação nos demais participantes. O importante, aqui, é ter bom-senso e fazer as fotografias em locais que não atrapalhem o percurso dos outros competidores.

Além disso, se você quiser usar o bastão enquanto estiver correndo, fique atento a sua segurança. No momento do clique você estará totalmente concentrado em fazer a foto, mas não pode desviar a atenção dos obstáculos à frente.

Dicas para fazer boas fotos
Além de prestar atenção ao que ocorre ao seu redor, é importante, também, prestar atenção na foto feita, para que ela saia linda. Para isso, deixe o pau de selfie fora da imagem, reclinando a câmera para baixo.

Outra estratégia para boas fotos de corrida é centralizar a imagem. Foque no cenário ao seu redor, prestando atenção na linha do horizonte atrás de você. Para as fotos em grupo o melhor é colocar a câmera no alto, enquadrando todos os amigos corredores. E evite deixar que apareça na composição das fotos objetos que não façam parte do momento da corrida, como lixeiras ou outros objetos.

Nas provas diurnas preocupe-se com o posicionamento da luz. Não faça a foto no contra-luz, pois a tendência é você sair escuro. Por isso, sempre se posicionar a favor do sol, evitando também sombras nos olhos causadas por viseiras e bonés. Já nas night runs sempre procure algum local com boa iluminação.

(Fonte: Rafael Mendes, fotógrafo e autor do livro Fôlego, e Moisés Marinho, coordenador técnico da Fórmula Academia, unidade Itaim Bibi – São Paulo)