Corredores agitam o Circuito das Estações Recife

Atualizado em 05 de agosto de 2016
Mais em Notícias

A animação é, naturalmente, uma característica do Recife. Desta forma, não surpreende o clima de festa que tomou conta das ruas da capital pernambucana durante a etapa outono do Circuito das Estações Recife, que aconteceu na manhã do último domingo (12 de abril).

Cerca de 4 mil corredores dividiram espaço nas ruas da cidade para disputar as provas de 5 km e 10 km. E o ponto de partida do Circuito das Estações Recife foi o Forte do Brum.

Marcos Wellington Lins, aposentado de 62 anos, largou forte para completar a prova de 5 km abaixo dos 30 minutos. E ele conseguiu alcançar o seu objetivo, já que terminou a prova com o tempo de 26 minutos. “Eu adoro o Circuito das Estações. É uma prova muito boa e bem organizada. Por isso estou presente em todas as etapas. Esse é o terceiro ano seguido que eu participo e pretendo completar mais uma mandala”, conta.

O corredor é apaixonado por corrida e sempre que pode participa de alguma prova. “Eu adoro o clima da corrida de rua e o percurso do Circuito das Estações Recife é ótimo. Corro para manter a saúde em dia, mas o fato de poder vivenciar esses momentos junto com tantos corredores é o que mais me motiva.”

leiamais-cinza-novo
icon texto_menor  PARTICIPOU DA ETAPA OUTONO DO CIRCUITO DAS ESTAÇÕES EM RECIFE? CONFIRA O SEU RESULTADO

Patrícia Brito também fez o percurso de 5 km. Iniciante na corrida de rua, a professora, de 32 anos, começou a correr em janeiro deste ano e, de lá para cá, já participou de algumas competições. “Todo mundo sempre falou bem do Circuito das Estações Recife e resolvi participar. A prova foi muito boa, apesar do sol forte que fez. Gostei de cada detalhe. Foi maravilhoso”, comemora. Por treinar à noite, Patrícia sentiu dificuldade para completar o percurso. “Estava acompanhada por uma amiga, a Daina Pigniata, e por conta do calor mais andamos do que corremos. Mas fiquei muito feliz ao completar o trajeto, diz.”

Quem também sentiu a ação do sol forte no desempenho foi Andreson Lucena, ilustrador, 45 anos. Apesar de já ter meias-maratonas e maratonas no currículo, ele sentiu o efeito do calorão. “Completei a prova bem e fui o primeiro colocado da minha categoria. Fiz os 10 km em 42 minutos. Mas com este calor não tem nem como baixar tempo. Esse tipo de meta deve ficar, apenas, para o inverno, quando o clima está mais ameno”, avalia.

O corredor é outro apaixonado pelo Circuito das Estações Recife. Essa é a terceira vez que ele participa da prova e já está animado para as próximas etapas. “Com certeza farei de tudo para completar minha quarta mandala. E, para isso, treino forte todas as semanas. Corro 40 km semanais e pedalo todos os dias. Vou de bike para o trabalho”, conta.

A etapa foi a oitava do Circuito das Estações nesse ano, e a primeira em Pernambuco. No dia 3 de maio, é a vez de Curitiba receber o Circuito das Estações.

 

icone-foto

[nggallery id=182]

icone-foto Instagram #vocechegala

[justified_image_grid instagram_tag=vocechegala instagram_show_user=no]