Brasileiro vai correr 16 km, após 3 enfartes

Atualizado em 05 de agosto de 2016
Mais em Notícias

A Maratona Medtronic Twin Cities/ Medtronic TC Mile 10 (corrida de 10 milhas/16 quilômetros), que acontecerá em Minneapolis, nos Estador Unidos, no dia 5 de outubro, vai homenager vinte e cinco corredores de longa distância que se beneficiam de alguma tecnologia médica como Global Heroes (Heróis Globais).

leia-mais-cinza
icon texto_menorPOLONÊS DE 104 ANOS BATE NOVO RECORDE NOS 100 METROS
icon texto_menorAOS 91, MARATONISTA ALCANÇA UM NOVO RECORDE

A disputa, que será entre atletas da Austrália, Brasil, Canadá, China, Colômbia, Israel, Itália, Suíça, Reino Unido e Estados Unidos, é composta por usuários de dispositivos médicos para o tratamento de condições crônicas como doenças cardíacas, diabetes, problemas de coluna, dores crônicas e distúrbios neurológicos.

Com 53 anos, o programador de manutenção, Roberto Itimura, que já superou três infartos e possui um stent para o tratamento da artéria coronária, é o representante verde e amarelo na prova. Em 2005, recebeu um diagnóstico com expectativa de vida de 5 a 10 anos.

Apesar de todos os obstáculos vividos, Roberto já completou três grandes maratonas e se tornou inspiração para muitas pessoas portadoras de necessidades especiais.

“Sempre gostei de assistir jogos olímpicos e ver os maratonistas correndo, ficava deslumbrado com a performance desses atletas, mas nunca imaginei que um dia teria este gosto. Hoje, a corrida faz parte da minha vida, não corro para baixar tempo e não tenho pretensão de conquistar pódios, corro por prazer, pois sei que ela me traz saúde e me faz sentir livre”, afirma Roberto. “Passei por momentos muito difíceis na minha vida e continuo convivendo, a lição aprendida é que nunca devemos perder a esperanças, apesar dos problemas que temos, sejam doenças cardíacas ou qualquer outra doença diagnosticada. Descobri nas corridas de rua o meu momento de prazer, de poder me realizar e conquistar minhas novas metas”, completa.

A Medtronic lançou o programa Global Heroes em 2006 para comemorar as realizações e paixão por correr desses atletas, que superaram os problemas de saúde e servem como inspiração para outras pessoas que vivem com doenças crônicas.