NBC Bay AreaFoto: NBC Bay Area

Dez anos após deixar de fumar: 52 maratonas em 52 semanas

Atualizado em 20 de fevereiro de 2017
Mais em Notícias

Para comemorar seu 10º aniversário sem fumar, o irlandês Greg McQuaid se propôs a correr 52 maratonas em 52 semanas. O desafio, contudo, tem um objetivo maior: arrecadar US$ 100 mil para a Breathe Califórnia Golden Gate, uma instituição sem fins lucrativos norte-americana que visa combater as doenças pulmonares. 

Até o fim de 2017, o ex-fumante e asmático corredor de 47 anos irá percorrer cerca de 2,2 mil quilômetros. Até o momento, ele já fez oito maratonas. “Todo mundo pensa que eu sou louco, inclusive minha esposa. Pode até ser loucura, mas é uma loucura com um bom propósito”, afirma.

Greg começou a fumar quando ainda era adolescente, tendo mantido o hábito por 22 anos até que, em 2007, ele decidiu trocar o vício do cigarro por algo mais saudável, como a corrida. “Meus pulmões sofreram uma terrível surra na Irlanda”, conta ele, que se mudou para os Estados Unidos na década de 90.

 

 

Desde que trocou os cigarros pelo par de tênis, o atleta, que trabalhou a vida toda com música, tem participado de inúmeras provas. A pior delas, segundo ele, foi uma maratona que ele fez na esteira para arrecadar dinheiro para caridade. “Quatro horas em uma esteira dentro de um estúdio de rádio quente. Eu juro que isso é pior e mais assustador do que correr 52 maratonas em 52 semanas”.

A arrecadação de dinheiro de seu novo desafio tem sido feita pelo site de financiamento coletivo CrowdRise, pelo qual é possível fazer doações e também acompanhar cada trajeto de 42 km concluído pelo corredor. Além de atingir a meta de cem mil dólares, Greg quer mostrar aos fumantes que eles também podem abandonar o vício. “Não é tão difícil como eles pensam”, diz. “Eles também conseguem levar um estilo de vida saudável”.