Por que traçar sempre novas metas na corrida?

Atualizado em 27 de abril de 2016
Mais em Iniciantes

Para conseguir ter uma evolução constante, todo corredor precisa sempre traçar novas metas na corrida. Seja para melhorar a resistência, baixar o pace ou buscar a quebra de um recorde pessoal, é necessário que atleta tenha um objetivo em mente para se manter disciplinado e, principalmente, motivado nos treinos.

O corredor que não planeja novas metas fica sem rumo, e em consequência disso, seus treinos também ficam sem um direcionamento. Por isso é muito importante contar com a colaboração de um educador físico, que irá ajudar o aluno a pensar nessas metas e também a montar uma periodização para que ele as conquiste.

Os corredores iniciantes devem estabelecer metas curtas e também mais fáceis de serem atingidas. Seguindo esse pensamento e levando em consideração que a pessoa encare apenas provas de 5 km, o tempo médio ideal para que o aluno conquiste a meta é de um ou dois meses, mas isso depende muito da pessoa e do objetivo dela.

Assim que ele for adquirindo mais experiência, deve começar a traçar metas mais ousadas e que levem um pouco mais de tempo para serem alcançadas. Nessa fase, o mais comum é que seja estabelecido metas trimestrais ou até mesmo semestrais.

Mesmo que o iniciante tenha um objetivo maior, como completar um dia uma maratona, é importante que ele crie diversas pequenas metas para ele ir buscando enquanto não realiza seu grande sonho. Assim ele se mantém sempre motivado e não corre o risco de exagerar e acabar com uma lesão.

Evoluir na corrida é muito mais do que simplesmente aumentar as distâncias das provas. Se o atleta já corre percursos de 5 km, o melhor é que ele trabalhe para abaixar seu tempo nesse tipo de prova do que partir para um desafio maior.

 

Fonte: Diogo Capitânio, professor da Fórmula Academia de São Bernardo do Campo