Motivação na corrida: xô, preguiça!

Atualizado em 27 de abril de 2016
Mais em Iniciantes

O mundo das passadas exige tempo, paciência e dedicação. E tudo isso, muitas vezes, faz com que a motivação na corrida desapareça depois do entusiasmo inicial comum ao esporte.

Mas já que você está disposto a encarar essas mudanças para evoluir na corrida, algumas estratégias podem tornar esse percurso mais fácil e, quando menos imaginar, já estará voando baixo nas ruas. Aqui, listamos cinco medidas que você pode colocar em prática para driblar a preguiça e seguir em frente.

1. Escolha um local legal para treinar
Nas academias é possível correr em modernas esteiras, o que faz com que você tenha entusiasmo para correr mesmo nos dias mais frios ou chuvosos. Já para os treinos ao ar livre, preferidos da maioria dos corredores, você pode optar por parques com pistas de corrida, que têm marcação de metros e quilômetros, o que é bom para quem quer fazer o controle das passadas.

leiamais-cinza-novo
icon texto_menor  O QUE TODO CORREDOR NOVATO DEVE SABER
icon texto_menor  10 DÚVIDAS SOBRE O COMEÇO NA CORRIDA
icon texto_menor  DICAS PARA ARRASAR NA SUA PRIMEIRA CORRIDA

2. Música
Desde que você não esteja correndo na rua, com carros por perto ou em parques nos quais outros esportes são praticados (como ciclismo, skate, patins etc.), a música está liberada. Se não se sentir completamente seguro, use o fone em apenas um dos ouvidos para não perder totalmente o contato com o meio externo. Assim, caso algo aconteça, você poderá ser avisado.

Porém, preste atenção no seu corpo, já que nesta fase inicial você passa por uma série de adaptações que precisam ser percebidas, para que você evolua na corrida.

3. Corra com amigos
A corrida pode parecer um esporte solitário. Mas é fácil encontrar novos companheiros de treino, o que dá um ânimo para continuar firme nas passadas. Se você frequentar sempre o mesmo lugar para treinar, verá como esse esporte é capaz de unir as pessoas.

4. Trace pequenas metas
Você pode fazer uma aposta com o marido, a namorada ou consigo mesmo. Aquela calça 38 ou a barriga de chope serão seu alvo em dois meses. Ou conquistará sua medalha nos seus primeiros 5 km antes da próxima estação. Seja qual for a meta, é muito bom quando você a conquista. Ela dá ânimo para que você continue correr. Por isso, abuse dessa estratégia.

5. Insista
Talvez, você não se apaixone pelo exercício logo de cara. Mas depois de duas ou três semanas (e após aquelas dores incômodas do começo da atividade sumirem), você não vai mais querer parar de correr.

(Fonte: Rogério Carvalho, treinador e preparador físico de corredores e triatletas em São Paulo)