Eu devo correr com uma assessoria de corrida?

Atualizado em 27 de abril de 2016
Mais em Iniciantes

A evolução de um atleta na corrida é gradual e depende da sua dedicação aos treinos. Por isso, a ajuda de um profissional de educação física pode contribuir, ainda mais para que você se desenvolva no esporte. Ao entrar para uma assessoria esportiva, a pessoa será instruída, observada e só tende a melhorar. Logo abaixo, listamos alguns benefícios de ter o acompanhamento de um treinador ou de um grupo de corrida.

leia-mais-cinza
icon texto_menor  COMO CORRER COM O ACOMPANHAMENTO DE UMA ASSESSORIA 

Acompanhamento especializado
Ter um especialista acompanhando cada passo do treino pode afastar  o corredor da possibilidade de lesões – já que a carga de exercícios estará bem controlada –, desenvolver um bom condicionamento físico e, consequentemente, estar cada vez melhor na corrida. Postura e biomecânica das passadas são corrigidas em todos os treinamentos pelos orientadores.

O ciclo de treinos é desenvolvido de forma individual. Ou seja, são focados nos objetivos de cada corredor. Esse ponto, aliás, também é importante: o atleta é moldado aos poucos – dos treinos de base, para os iniciantes, à preparação para uma maratona para os experientes.

Ortopedistas, fisioterapeutas e nutricionistas também fazem parte de algumas assessorias, dando suporte ao corredor.

Desenvolvimento da parte técnica
Não é comum encontrar um corredor que não tenha um acompanhamento de uma assessoria ou um personal trainer realizando treinamentos funcionais e educativos, por exemplo. Aprimorar a técnica das passadas é importante e isso é muito trabalhado pelos treinadores.

Ganhe força
Os treinadores indicam treinos específicos para corredores visando o trabalho de fortalecimento. Assim, o atleta estará mais preparado para encarar as provas.

Aprenda seu ritmo
O corredor será treinado para encontrar e não exceder seu ritmo e, consequentemente, não sofrer para completar uma corrida. Além disso, ao lado do treinador, você receberá uma orientação prévia sobre como se comportar ao longo da prova.

Treino variado
De acordo com o condicionamento físico e meta de cada um, o professor muda os treinamentos semanalmente. Dessa forma, o aluno mantém a motivação com rotinas mais puxadas ou leves, sem correr riscos de lesão.

Organização no calendário
Marcando com antecedência quais são as “provas-meta”, o atleta pode focar melhor os treinos e aproveitar as outras corridas de rua para se divertir com os amigos, sem dar tanta atenção ao pace.

Grupo unido
Os vários corredores que integram uma assessoria acabam virando colegas. Esses parceiros de esporte são grandes motivadores, tanto nas provas, quanto nos treinos. A troca de experiência faz com que todos conheçam mais sobre a corrida e evoluam.

Network
O contato com outras pessoas nos treinos pode trazer benefícios para a vida social e profissional dos atletas.

Como escolher uma assessoria:

– Pesquise nos sites das assessorias para ver a estrutura que é oferecida ao atleta, como treinador, nutricionista, médico, laboratório, além de quanto custa todo esse serviço;

– Verifique os locais de treinamentos e horários, para que não atrapalhe sua rotina e deixe seu treinamento cansativo;

– A disponibilidade dos treinadores é importante para dar suporte, seja por e-mail, telefone ou site, pois isso faz a diferença no desenvolvimento do corredor.

(Fonte: Carolina Stefani, professora da MPR Assessoria Esportiva e Fernando Assumpção, da Race Assessoria Esportiva)