Como aproveitar melhor a corrida

Atualizado em 29 de abril de 2016
Mais em Iniciantes

Você começou a correr e está tomado pela empolgação, ansiedade, apreensão, felicidade e prazer. É um misto de sentimentos que às vezes você fica até receoso se está, realmente, tudo certo. Esse é um sinal de que você está entrando em um novo mundo, desconhecido até certo ponto, mas que, certamente, trará alegria aos seus dias. O desconhecido, sempre, traz uma mistura de sentimentos nos primeiros momentos. E isso é o que empolga, que desafia, que o mantém motivado.

A corrida é um mundo de desafios, superações e conquistas. Mas o que a grande maioria dos novatos esquece (e às vezes nem sabe) é que é preciso tempo de prática, para se colher grandes resultados com os treinos e alcançar a melhora no desempenho. Diante desse desconhecimento e do tempo de maturação necessário, muitos desanimam no meio do processo. Ou, porque se cobram sobre tempos de prova, ritmo de treino e desempenho, ou porque se comparam em demasia com outros corredores, ou até porque se lesionam por excesso de treinamento.

Mas com tudo isso rolando na sua cabeça, como aproveitar melhor a corrida? Tenha sempre em mente que existem muitos pontos que você pode focar e ter como objetivo e que podem ser metas alcançadas em curto prazo, algo prazeroso para qualquer corredor.

Listamos alguns objetivos que você pode traçar para se livrar dessas preocupações que não param de pipocar na sua frente e que não devem ter tanta importância.

leia-mais-cinza
icon texto_menor  DESAQUECIMENTO: É REALMENTE NECESSÁRIO?
icon texto_menor  EM QUANTO TEMPO OS RESULTADOS APARECEM?
icon texto_menor  6 PASSOS PARA DRIBLAR O MURO DOS 3 MESES

– Agora que você já começou a correr, tente ir até a casa daquele familiar que você sabe que irá demorar cerca de 50 minutos à 1h correndo. Quer coisa mais prazerosa e gratificante do que isso?

– Ao viajar, leve um par de tênis na mala e se proponha a fazer algumas corridas para conhecer partes da cidade de uma forma diferente, prazerosa e saudável.

– Tenha a sensação de independência, liberdade e autonomia pelo simples fato de conseguir correr 30 minutos ou 40 minutos observando a paisagem, se deslocando pela cidade sem precisar de transporte motorizado.

– Curta a sensação de fazer algumas corridas matinais em companhia de quem vocês gosta. Estabeleça um ritmo tranquilo, onde é possível manter uma conversa facilmente.

– Sente com o seu treinador e veja quais provas você já está apto a participar. Corra pelo simples motivo de estar correndo, pelo simples fato de estar praticando uma atividade saudável que trará inúmeros benefícios físicos, psicológicos e sociais para a sua vida.

– Corra sem relógio, GPS ou até mesmo música. Isso irá potencializar seus momentos de prazer enquanto corre.

– Lembre-se que o grande prazer de correr está em correr. E é isso que todos os iniciantes devem desenvolver ao longo dos anos para que a corrida faça parte de suas vidas para sempre (e de forma saudável). Os objetivos como baixar o tempo ou melhorar o ritmo são importantes. Mas não, a base da corrida.

(Fonte: Rogério Carvalho, treinador e preparador físico de corredores e triatletas – São Paulo)