5 dicas para se manter leve

Atualizado em 28 de abril de 2016
Mais em Iniciantes

Para muitas pessoas acima do peso, a corrida pode ser a porta de entrada de uma vida mais saudável – e com alguns (ou muitos) quilos a menos. O esporte é, de fato, um bom caminho a se seguir. Porém, a prática dessa atividade física requer uma resistência física do corpo – caso contrário, o atleta pode sofrer com lesões ortopédicas por sobrecarga, que o afastaria do exercício.

Veja cinco dicas para se manter leve e livre dos problemas que o sobrepeso pode trazer para o corredor:

1. Auxílio médico
A primeira atitude que o atleta precisa tomar para se livrar dos quilos extras com a corrida é procurar um médico e realizar alguns exames clínicos – como teste ergométrico, ecocardiograma, entre outros – que mostrarão se a pessoa está apta ou não para praticar o esporte. Veja a lista completa de exames na reportagem Antes de correr, vá ao médico.

2. Comece leve
A ansiedade para eliminar os quilos extras faz com que muitos atletas exagerem nos treinos. No início – principalmente se a pessoa está saindo do sedentarismo –, as atividades físicas devem ser mais leves. Dessa forma, o corredor se manterá livre das lesões e, a longo prazo, terá o resultado desejado. Entenda melhor com a reportagem Sobrepeso: evite lesões e emagreça sem pressa.

3. Alimentação saudável e correta
Emagrecer significa ingerir menos calorias do que gastamos. Entretanto, nem sempre comer menos é sinônimo de ingerir uma menor quantidade calórica. É importante que o atleta adote uma alimentação saudável e equilibrada, com frutas, legumes, verduras, além das – importantes – proteínas, gorduras e carboidratos. Dividir a dieta em um maior número de refeições é uma boa medida (leia mais na reportagem Por que comer de três em três horas?). Vale também investir nos alimentos termogênicos. Descubra mais sobre o assunto na reportagem Alimentação certa e corrida para perder peso.

4. Mantenha a motivação
Muita gente não mantem a regularidade na prática esportiva. O resultado é o desânimo por não enxergar resultados e o abandono da modalidade. Se impor metas, procurar a ajuda de corredores mais experientes, variar os locais de treino, entre outras medidas, podem ser a solução para esses problemas. Veja 6 dicas para manter a motivação e não parar de correr.

5. Siga uma planilha
Há alguns treinamentos específicos que ajudam o corredor a perder mais peso. Por isso, seguir uma planilha proposta é uma medida interessante para os atletas. No O2 por Minuto, você encontra alguns treinos para perder peso, como feito para queimar gordura abdominal. Intervalados e atividades que mantêm o batimento cardíaco na faixa de 60% a 70% (entenda melhor sobre as zonas de treinamento) são alguns dos mais indicados.

Fontes: José Carlos Fernando, diretor técnico da assessoria esportiva ZTrack Esporte e Saúde, em São Paulo; Paulo Rennó, diretor técnico da assessoria esportiva homônima, em São Paulo ; Andre Pellegrini, nutricionista esportivo do Instituto do Atleta (INA), em São Paulo; Jomar Souza, Especialista em medicina do exercício e do esporte e ex-presidente da Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte (SBMEE)