5 coisas que você precisa saber antes de correr em trilhas

Atualizado em 23 de junho de 2017
Mais em Treinamento

Até corredores mais experientes e acostumados a variar o tipo de terreno precisam ficar atentos a situações imprevisíveis que podem aparecer pelo caminho. Isso vale, principalmente, para aqueles que querem se aventurar em um percurso diferente, como o da corrida de montanha. É preciso ter em mente que este tipo de terreno exige preparos e cuidados específicos, para que você corra seguro e não tenha nenhum problema pela frente.

Mas saiba que existem algumas dicas para correr em trilhas. Elencamos cinco, aqui:

Mantenha a calma na respiração

É claro que manter um padrão de respiração em uma trilha pode ser difícil, com tantos desvios, subidas e descidas ao longo do caminho. Neste caso, você precisa permanecer em uma zona de esforço em que seus músculos consigam oxigênio suficiente para poder correr tranquilamente. Assim, dê tempo ao seu corpo de se acostumar: suba a ladeira, por exemplo, em um passo forte de caminhada, para não se esforçar demais correndo.

Uma respiração irregular e forte pode ser prejudicial para sua corrida, pois você pode estar entrando em um esforço anaeróbico que não é bom. Por isso, manter uma respiração relaxada e regular pode ajudar você a manter o resto do seu corpo sem tensão, ou seja, sem perder energia rapidamente.

 

 

Alimente-se bem

Assim como na corrida de rua, manter uma alimentação equilibrada e saudável é ideal para que se corpo tenha todos os nutrientes necessários para completar o treino ou prova de trilha. Alimentar-se bem, na verdade, não significa se privar das coisas do cardápio, mas, sim, de oferecer uma variedade de comidas frescas, saudáveis e naturais, para que você se sinta satisfeito e com energia de sobra para este desafio.

Cuide da hidratação

Manter-se bem hidratado durante uma corrida de trilha é simples. Apenas, se lembre de beber líquidos antes, durante e depois do exercício. Durante o treino, leve uma garrafa de água com você para tomar sempre que sentir sede ou quando estiver em um trecho mais tranquilo. Evite se hidratar em pontos onde o percurso é mais desafiador, como em pedras ou terra escorregadia. Caso as trilhas sejam maiores (de 16 km ou mais), você pode usar uma mochila de hidratação, que permite guardar mais líquidos, alimentos e até roupas leves.

Concentre-se e mantenha o foco

Quando você fica concentrado, seu ritmo pode ficar ainda melhor. Além disso, manter o foco na corrida e pensar positivo são maneiras  de mantê-lo na corrida – e não tenha medo do que possa vir a atrapalhar o seu desempenho.

Dê um tempo

Se você está se sentindo muito cansado, não hesite em diminuir o ritmo e parar. Existe uma diferença muito grande em “estar exausto” ou “estar cansado”. Portanto, se a trilha estiver exigindo muito de você, não tenha pressa. Corra no seu ritmo, pare e depois volte, até completar o seu treino ou prova.

(Fonte: Rogério Cardoso de Lima, treinador e professor de educação física na FIG-UNIMESP – São Paulo)