Equipe africana disputará o Tour

Atualizado em 02 de maio de 2016
Mais em Tour de France

O Tour de France 2015 será histórico para a África. Quando for dada a largada em Utrecht (Holanda), no dia 4 de julho, a MTN-Qhubeka se tornará a primeira equipe do continente a participar da principal competição do ciclismo. O conjunto, que integra o grupo Pro Continental (2ª dividão), foi confirmado como um dos cinco convidados da edição deste ano.

O anúncio foi feito pela ASO (organizador do Tour de France), que via Twitter anunciou nesta quarta-feira (14) as cinco equipes que receberam o wildcard (convite) deste ano. As demais foram as francesas Bretagne-Seche Environment, Cofidis e Europcar, e a alemã Bora-Argon 18.

Baseada na África do Sul, a MTN-Qhubeka teve uma ascensão meteórica. Continental (3ª divisão) entre 2008 e 2012 e Pro Continental (2ª divisão) desde 2013, o time estreou em competições de três semanas na última Vuelta a España, quando tornou-se a primeira equipe africana a participar de uma grande volta. Para 2015 a equipe investiu e trouxe diversas estrelas como o norueguês Edvald Boasson Hagen (ex-Sky), o holandês Theo Bos (ex-Belkin), o australiano Matthew Goss (ex-Orica) e o norte-americano Tylar Farrar (ex-Garmin-Sharp).

leiamais-cinza-novo
iconezinho  A HISTÓRIA DO CAMPEÃO DO TOUR E GIRO QUE SALVOU JUDEUS NA 2ª GUERRA MUNDIAL

A equipe também é conhecida pelo cunho social já que apoia o projeto Qhubeka, responsável pela distribuição de mais de 50 mil bicicletas na África do Sul desde 2004.

Entre as demais equipes que receberam o wildcard não houve surpresas. Bretagne-Seche Environment, Cofidis e Bora-Argon 18 (antiga NetApp) também foram convidadas na última edição, enquanto a Europcar era Pro Team até o ano passado. Como a Europcar foi rebaixada pela UCI no final de 2014, após não apresentar garantias financeiras, o Pro Tour deste ano é composto por apenas 17 equipes, o que obrigou os organizadores a convidarem cinco, e não quatro times.

As 17 equipes do Pro Tour estão automaticamente classificadas para todas as provas do calendário World Tour da UCI, o que inclui as três grandes voltas do ciclismo.

A ASO também anunciou as convidadas para o Paris-Nice e o Critérium du Dauphiné. Confira a lista.

Tour de France (4 a 26 de julho): AG2R-La Mondiale, Astana, BMC Racing, Etixx-QuickStep, FDJ, IAM Cycling, Lampre-Merida, Lotto-Soudal, Movistar, Orica-GreenEdge, Cannondale-Garmin, Giant Alpecin, Katusha, Team LottoNL-Jumbo, Team Sky, Tinkoff-Saxo, Trek Factory Racing, MTN-Qhubeka, Bora-Argon 18, Cofidis, Europcar e Bretagne – Séché Environnement.

Paris-Nice (8 a 15 de março): AG2R-La Mondiale, Astana, BMC Racing, Etixx-QuickStep, FDJ, IAM Cycling, Lampre-Merida, Lotto-Soudal, Movistar, Orica-GreenEdge, Cannondale-Garmin, Giant Alpecin, Katusha, Team LottoNL-Jumbo, Team Sky, Tinkoff-Saxo, Trek Factory Racing, Cofidis, Europcar e Bretagne – Séché Environnement

Critérium du Dauphiné (7 a 14 de junho): AG2R-La Mondiale, Astana, BMC Racing, Etixx-QuickStep, FDJ, IAM Cycling, Lampre-Merida, Lotto-Soudal, Movistar, Orica-GreenEdge, Cannondale-Garmin, Giant Alpecin, Katusha, Team LottoNL-Jumbo, Team Sky, Tinkoff-Saxo, Trek Factory Racing, MTN-Qhubeka, Bora-Argon 18, Cofidis e Europcar.