Chileno vence abertura do Open Shimano

Atualizado em 05 de agosto de 2016
Mais em Mountain Bike

O público de Bariloche, na Argentina, acompanhou no último fim de semana (31 de janeiro e 1º de fevereiro) a abertura do tradicional Open Shimano, principal competição de downhill do continente. Na categoria pro, o chileno Pedro Ferreira venceu a primeira etapa, válida pelo campeonato argentino e também pelo circuito Latino Americano, disputado desde 2013 e que inclui provas no Brasil e Chile.

Após obter a terceira melhor marca na fase qualificatória, Pedro baixou seu tempo na descida final em três segundos, completando o percurso em 4min49seg12. Além de iniciar a temporada na liderança latino-americana, o chileno manteve a hegemonia na competição, depois de encerrar 2014 com o triunfo na etapa final, em Nevados de Chillan, no Chile. Completaram o pódio, o argentino Jeremias Maio, com 4min49seh97, e Gustavo Ortiz, também do Chile, com 4min59seg16.

leiamais-cinza-novo
iconezinho  JÚLIA SANTOS É BICAMPEÃ DO DESCIDA RADICAL

Na máster pro, vitória de Jorge Acuña Quintana. Enquanto no feminino o triunfo foi de Camila Nogueira, na elite o primeiro lugar foi do piloto local Francisco Broach. Gabriel Donoso tornou-se o primeiro campeão da inédita categoria enduro. Com a introdução desta disputa, o Open Shimano inicia o ano com perspectivas de crescer ainda mais, trazendo para mais atletas e entusiastas do MTB a possibilidade de não apenas fazer as descidas das montanhas, mas também curtir as trilhas morro acima com características do estilo Cross Country, para enfim fazer as descidas técnicas do downhill.

Nas demais categorias másters, as vitórias ficaram com, Marco Latzke (A1); Badie de Necochea levou a melhor na A2; e Leonel Sauma, piloto local, estabeleceu amplia diferença na máster B e mostrou por que é considerado uma das lendas do MTB argentino. Entre os mais jovens, Jerónimo Páez triunfou na juvenil; Valentin Ricca foi o campeão na cadete; e entre os menores o título foi para Gonzalo Gajdosech.

Em seu oitavo ano de realização, o Open Shimano segue com números impressionantes, o que credencia a prova como a principal da América do Sul na modalidade downhill do MTB. Foram mais de 30 provas realizadas, em 16 circuitos diferentes com mais de 3200 competidores, além de nove países representados e a participação de mais de 20 medalhistas pan-americanos.

A competição ainda passará este ano por Balneário Camburiú (SC) e Nevados de Chillan (Chile).

Foto: Claudio Olguín / Open Shimano