Le Super Bike: a smartbike

Atualizado em 20 de setembro de 2016
Mais em Bike

Durante a edição de 2016 da Mobile World Congress (MWC), importante feira mundial de celulares, a empresa chinesa LeEco apresentou a Le Super Bike, uma smartbike equipada com um computador de bordo que funciona com sistema operacional Android. A invenção oferece uma série de recursos e ainda permite com que o ciclista se mantenha conectado enquanto pedala.

Feita com fibra de carbono e titânio, a smartbike traz no meio do guidão uma tela de 4 polegadas que tem processador de 1,3 GHz e 4 GB de memória RAM. Pelo visor é possível acompanhar informações como velocidade, navegação e queima de calorias. Graças a uma conexão 4G, o dispositivo funciona ainda como um smartphone, permitindo fazer ligações. Além disso, a magrela vem equipada com alto-falantes para que o ciclista possa ouvir música. Todo esse sistema é alimentado por uma bateria e também por um gerador que transforma a energia dinâmica gerada pelas pedaladas em eletricidade.

Outro destaque do produto é o leitor de impressões digitais, que só desbloqueia a tela e destrava a bicicleta após o reconhecimento da digital do dono, o que diminui as chances de roubo. A bicicleta vem ainda equipada com farol e lasers de iluminação que se acendem automaticamente quando escurece, oferecendo mais segurança para pedalar ä noite. Os lasers, aliás, projetam duas linhas no chão ao lado da bicicleta, a uma distância de 60 centímetros, para sinalizar aos motoristas o espaço mínimo que eles devem deixar na hora de fazer a ultrapassagem.

Por enquanto, a Le Super Bke pode ser comprada apenas na China pelo valor aproximado de US$ 800.

No vídeo abaixo é possível ver como funcionam esses e outros recursos da bike: