Estudo revela perfil do ciclista brasileiro

Atualizado em 20 de setembro de 2016
Mais em Mobilidade

O desrespeito dos condutores de automóveis e a falta de estrutura para o tráfego de bicicletas são os principais problemas enfrentados pelos ciclistas do País. A informação é de uma pesquisa realizada em diferentes regiões do Brasil pela organização Transporte Ativo, com patrocínio do Itaú, com o objetivo de traçar o perfil do ciclista urbano brasileiro.

O levantamento, que contou com a colaboração de outras nove entidades, Ciclo, Ame ciclo, Bike Anjo, Rodas da paz, Pedala Manaus, Mobicidade, UCB, Prourb, Observatório da metrópole, foi realizado entre julho e agosto do ano passado, envolvendo entrevistas com mais de 5 mil ciclistas de um total de 10 cidades, entre elas Aracaju, Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Manaus, Niterói, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo. O resultado, divulgado no início deste ano, aponta ainda que os ciclistas brasileiros costumam utilizar a bicicleta pelo menos cinco dias por semana, principalmente para ir ao trabalho, por considerarem um meio de transporte mais rápido e prático.

Já a faixa etária dominante entre os ciclistas brasileiros é de 25 e 34 anos, sendo que, em média, eles pedalam entre 10 e 30 minutos por trajeto. Outro dado verificado é que a minoria dos entrevistados, 19,9%, relatou ter sofrido algum acidente pedalando.

Confira a pesquisa na íntegra:
www.ta.org.br/perfil/ciclista.pdf