Mundial de Pista: Brasil em 15ª; China em 1º

Atualizado em 05 de agosto de 2016
Mais em Ciclismo

No primeiro dia de competições do Mundial de Ciclismo de Pista de Saint-Quentin-em-Yvelines, na França, a equipe masculina do Brasil não garantiu lugar no pódio, e China disparou na prova feminina de velocidade por equipe.

leiamais-cinza-novo
iconezinho CURIOSIDADES SOBRE O MUNDIAL DE PISTA

A competição começou com as eliminatórias das provas de velocidade por equipes. O Brasil, com representantes apenas no masculino, terminou na 15ª colocação com o trio formado por Flávio Cipriano, Kacio Freitas e Hugo Osteti. Os brasileiros fizeram o penúltimo tempo (44s849), ganhando apenas da equipe colombiana. Os campeões foram os franceses, com o tempo de 43s136, que apesar de terem feito na decisão uma marca pior que a Nova Zelândia (42s828), ficaram com o título por conta da desqualificação do adversário por passagem fora da área permitida. O bronze foi conquistado pela Alemanha (43s339), que venceu a Rússia (43s468) na disputa do terceiro lugar.

Já na prova feminina de velocidade por equipes, a China foi a grande vencedora. A dupla, formada por Jinjie Gong e Tianshi Zhong, disparou na frente das adversárias, e, além de conquistarem o título, quebraram o recorde mundial de tempo com a marca de 32s034. A prata ficou com as russas (32s438) e o bronze com as australianas (32s723).

No feminino por pontos, a vitória foi de Stephanie Pohl, da Alemanha, que somou 38 pontos. A prata ficou com Minami Uwano (28 pontos), do Japão, e o bronze com Kimberly Geist (25 pontos), dos Estados Unidos.

O Brasil volta a competir no Mundial de Pista nesta quinta (20) com Gideoni Monteiro, na disputa Omnium, composta por seis provas. No sábado (21) e no domingo (22), Flávio Cipriano volta à pista para a prova de velocidade individual.

O campeonato é importante para o ranking que define os classificados para as Olimpíadas do Rio de Janeiro, em 2016.