Tour: um brilhante Samuel Sanchez em Luz-Ardiden

Atualizado em 14 de julho de 2011
Mais em

As cartas foram postas na mesa! O Tour de France, definitvamente, começou nesta quarta-feira (13) com a chegada dos Pirineus e a primeira etapa de alta montanha – um percurso de 211 km entre Cugnaux e Luz-Ardiden. Samuel Sanchez (Euskalte-Euskadi), após saltar em um grupo com cinco atletas na metade da última subida do dia – 13 km de extensão e 7.4% de inclinação – fez prevalecer seu ímpeto e cruzou a meta depois de 6h01min15s.

Na véspera do estágio, Sanchez havia reiterado seu desejo de vencer o terreno montanhoso e superar as três subidas categorizadas. Com o resultado, o campeão olímpico também vestiu a camisa de bolinhas e tornou-se o novo “rei da montanha”. Jelle Vanendert (Omega Pharma) e Frank Schleck (Leopard) terminaram em segundo e terceiro, respectivamente.

Na classificação geral, Thomas Voeckler (Europcar) manteve a camisa amarela. O francês permaneceu no grupo dos favoritos até o quilômetro final e teve ao seu favor o grande trabalho do companheiro Pierre Rolland. Já Alberto Contador (Saxo Bank) terminou 8 segundos atrás dos seus principais rivais.

Geraint Thomas (Team Sky), Jose Ivan Gutierrez (Movistar), Ruben Perez (Euskaltel-Euskadi), Laurent Mangel (Saur-Sojasun), Blel Kadri (Ag2R) e Jeremy Roy (FDJ) protagonizaram a fuga do dia. Thomas e Roy resistiram as investidas do pelotão, mas foram neutralizados na última subida do dia.

Como esperado, os ataques entre os protagonistas se iniciaram a 4 km da meta. Após um grande trabalho de Szymd (Liquigas), que embalou o seleto grupo nos quilômetros finais, a disputa ficou entre Frank e Andy Schleck, Contador, Evans, Ivan Basso, Damiano Cunego, Voeckler e Rolland. Os dois últimos muito mais dispostos a administrar e assegurar a camisa amarela com a Europcar, do que propriamente almejando o título em Paris.

Com uma tática elaborada para desgastar Contador, os irmãos Schleck se revezavam nos ataques. Frank lançou um forte ataque a 2.5 km da meta sem ser contra-atacado pelo grupo. Basso e Evans também tentaram surpreender a Andy e Contador, mas os quatro, juntamente com Cunego, seguiram juntos até o último quilometro.

O forte ritmo dos protagonistas fizeram suas vítimas nos metros finais. Primeiro Voeckler e na seqüência Contador. Voeckler estava feliz em manter a camisa amarela, mas o veredicto do acabamento expôs as fraquezas de Contador e confirmou que este ano o Tour de France vai ter uma luta intensa para a chegada ao título.

Acompanhe diariamente a cobertura on-line do Tour de France 2011 no Prólogo, a partir das 10h30.

Classificaçã etapa
1 Samuel Sanchez Gonzalez (Spa) Euskaltel-Euskadi 6:01:15
2 Jelle Vanendert (Bel) Omega Pharma-Lotto 0:00:07
3 Fränk Schleck (Lux) Leopard Trek 0:00:10
4 Ivan Basso (Ita) Liquigas-Cannondale 0:00:30
5 Cadel Evans (Aus) BMC Racing Team
6 Andy Schleck (Lux) Leopard Trek
7 Damiano Cunego (Ita) Lampre – ISD 0:00:35
8 Alberto Contador Velasco (Spa) Saxo Bank Sungard 0:00:43
9 Thomas Voeckler (Fra) Team Europcar 0:00:50
10 Pierre Rolland (Fra) Team Europcar

Classificação geral
1 Thomas Voeckler (Fra) Team Europcar 51:54:44
2 Fränk Schleck (Lux) Leopard Trek 0:01:49
3 Cadel Evans (Aus) BMC Racing Team 0:02:06
4 Andy Schleck (Lux) Leopard Trek 0:02:17
5 Ivan Basso (Ita) Liquigas-Cannondale 0:03:16
6 Damiano Cunego (Ita) Lampre – ISD 0:03:22
7 Alberto Contador Velasco (Spa) Saxo Bank Sungard 0:04:00
8 Samuel Sanchez Gonzalez (Spa) Euskaltel-Euskadi 0:04:11
9 Thomas Danielson (USA) Team Garmin-Cervelo 0:04:35
10 Nicolas Roche (Irl) AG2R La Mondiale 0:04:57