Só em janeiro

Atualizado em 20 de dezembro de 2010
Mais em

Por Tadeu Matsunaga

Não vai ser em 2010 que ficaremos sabendo o futuro de Alberto Contador. O presidente da Federação Espanhola de Ciclismo (RFEC), Juan Carlos Castaño, anunciou que as investigações irão se estender por mais algum tempo e o veredicto final deve ocorrer em janeiro do próximo ano.

Castaño aproveitou a oportunidade e respondeu de forma indireta as críticas de Pat McQuaid, presidente da UCI (União Ciclística Internacional), que teria questionado a demora para uma definição do caso.

“Se fosse tão fácil, por que a UCI não resolveu tudo nos últimos dois meses?”, indagou em entrevista ao jornal AS. “Para chegar a uma solução garantida, um procedimento deve ser observado. Eu não espero uma solução antes de meados de janeiro.”

Com isso, Contador entrará em 2011 sem saber seu destino no ciclismo, assim como Bjarne Riss, que pode perder o líder da Saxo Bank na temporada.